FORAGIDO DA JUSTIÇA MORRE APÓS SER LOCALIZADO COM CARRO ROUBADO E ENTRAR EM CONFRONTO COM A PM

Um homem encontrado com um carro roubado morreu após entrar em confronto com policiais militares na Zona Norte de Natal, na tarde de sábado (2). O suspeito era foragido da Justiça.

De acordo com a corporação, o carro roubado e clonado estava sendo desmanchado na rua Jeremias Ribeiro da Silva, no bairro Lagoa Azul. Quando os policiais chegaram à casa onde o carro estava, o homem atirou em direção a eles. Os militares revidaram.
Ainda de acordo com a PM, nenhum policial foi atingido, mas na troca de tiros o suspeito foi baleado e socorrido para o Hospital Santa Catarina. Ele não resistiu e morreu.
"O indivíduo estava dentro da residência onde o veículo se encontrava e ao perceber a presença policial fez disparos contra a equipe. Houve o revide para nos proteger, proteger a equipe, e infelizmente o cidadão foi alvejado e socorrido ao hospital, onde foi a óbito", relatou um cabo da PM que participou da ação.
Ainda de acordo com o militar, o veículo foi encontrado sem os pneus traseiros, sem a bateria e é um veículo clonado.
"O suspeito é um foragido, que estava com essa arma de fogo e o veículo clonado e roubado. E tem uma munição de fuzil também dentro do veículo que a gente vai esperar a perícia comparecer ao local para recolher e verificar se encontrar alguma coisa para segmento das investigações", afirmou.
O homem que morreu foi identificado como Luiz Henrique Lima da Silva. Ele era foragido da Justiça por romper uma tornozeleira eletrônica. Como ele, a polícia apreendeu uma pistola 765 com munições.
Ainda de acordo com a polícia, o carro apreendido no desmanche estaria sendo utilizado em ocorrências como explosões de bancos e caixas eletrônicos. Por esse motivo, o caso vai ser investigado por duas delegacias: a Divisão de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP), por causa da morte do criminosos; e pela Divisão Especializada em Investigação e Combate ao Crime Organizado (Deicor). G1RN

whatsapp