UMA MAIOR PRESA E DUAS MENORES APREENDIDAS APÓS ARROMBAREM LOJA DE ROUPAS

Três mulheres paraibanas, sendo uma maior e duas menores, foram conduzidas pela Polícia Militar, à delegacia de plantão da Polícia Civil, no final da tarde deste sábado 21 de novembro de 2020, após participarem de um arrombamento a uma loja de roupa infantil, localizada na Rua João da Escóssia no Bairro Nova Betânia em Mossoró no Oeste do Rio Grande do Norte.
De acordo com a Polícia, um homem conhecido apenas como "Docinho", juntamente com as três mulheres, usando uma ferramenta arrombaram a porta de entrada do estabelecimento comercial e furtaram várias peças de roupas, além de outros objetos e fugiram em um veículo de características não informadas. A proprietária da loja ao tomar conhecimento da invasão de seu estabelecimento comercial, se dirigiu para o local e ainda conseguiu seguir o carro usado na ação criminosa.
Ela chamou a PM, que conseguiu prender a maior e apreender as duas menores, mas o "Docinho" conseguiu fugir levando o material furtado da loja e apesar das buscas ele não foi localizado. Segundo a polícia, antes do arrombamento a loja de roupa, o quarteto tentou contra um estabelecimento comercial em outro ponto da cidade, mas a ação não deu certo.
Na Delegacia de Plantão, as três foram autuadas em flagrante, pelo delegado de plantão DPC Luiz Fernando. Maísa Pereira dos Santos foi autuada em flagrante, pelos crimes de furto qualificado, aquele em que ocorre a destruição ou rompimento de obstáculo (artigo 155 do CPB) e corrupção de menores (artigo 244-B , do Estatuto da Criança e do Adolescente). Após passar pelo ITEP onde se submeteu a exame de corpo de delito, ela foi encaminhada ao Pavilhão Feminino da Penitenciária Agrícola, onde ficará a disposição da justiça.
Contra as duas menores, foram confeccionados Boletins de Ocorrências Circunstanciados (BOCs) e serão liberadas com a presença dos responsáveis. O inquérito instaurado pela DP de Plantão será remetido à Delegacia de Furtos e Roubos, para que a especializada prossiga com as investigações para tentar chegar ao homem que participou da ação criminosa e que conseguiu fugir da Polícia. Fim da Linha

whatsapp