ITEP IDENTIFICA OCUPANTES DE HELICÓPTERO QUE CAIU EM AÇUDE NO INTERIOR DO RN

O acidente aconteceu por volta das 13h30 na comunidade de Alto do Caboclo, zona rural de Currais Novos (RN). A aeronave era um helicóptero e os destroços pararam dentro de um açude da região. No momento do acidente, ele levava três ocupantes: um piloto e dois trabalhadores da Companhia Hidrelétrica do São Francisco (Chesf). Ninguém sobreviveu.

Segundo o plano de vôo registrado no Aeroporto Governador Dix-Sept Rosado em Mossoró, o helicóptero deveria chegar a Mossoró para reabastecer às 15 horas deste domingo, o que não aconteceu.
O helicóptero caiu na zona rural do município, após bater em fios de uma rede de transmissão. Os fios ligam um parque eólico na Serra de Santana a uma subestação de energia em Currais Novos. Grande parte da cidade esta sem energia e até o acesso a Internet 3G está comprometida.
“A Chesf está em grande pesar mediante o fato e está adotando todas as providências pertinentes junto aos órgãos competentes, priorizando a assistência às famílias das vítimas”, disse a companhia.
Segundo a Chesf, as vítimas são: Juberson Coelho Coimbra (piloto), de 65 anos, e os inspetores Robson Deusdette de Melo Araujo, 35, e Francisco Wilson da Silva, 52.
A aeronave era um helicóptero do modelo Bell 206, considerados um dos melhores e mais seguros em operação no Brasil. O helicóptero custa facilmente mais de R$ 1 milhão, e a depender dos opcionais chega a custar mais de R$ 6 milhões.

Leia a nota da Chesf
A Companhia Hidro Elétrica do São Francisco (Chesf) informa que hoje (5), às 13h36, ocorreu acidente com o helicóptero da Empresa, prefixo PP-MCJ, que estava realizando inspeção aérea de rotina.

A aeronave estava em operação no Estado do Rio Grande do Norte e chocou-se com uma linha de transmissão 230kV, caindo em um açude na zona rural do município de Currais Novos – RN.

O piloto e dois inspetores, empregados da Chesf, que estavam a bordo, faleceram no local do acidente.

A Chesf está em grande pesar mediante o fato e está adotando todas as providências pertinentes junto aos órgãos competentes, priorizando a assistência às famílias das vítimas.

Nota Oficial da Cosern
A Neoenergia Cosern informa que a colisão de um helicóptero contra uma linha de transmissão operada pela empresa TAESA, no município de Currais Novos, afetou o fornecimento de energia de 118 mil clientes em 22 municípios da região do Seridó, às 13h36 deste domingo.

A Neoenergia Cosern realizou manobras de remanejamento de cargas para minimizar a extensão do impacto e restabeleceu o fornecimento de 18 mil clientes até as 17h. A distribuidora lamenta o ocorrido, está monitorando a regularização da ocorrência junto à TAESA e se colocou à disposição para auxiliar no que for necessário. TCM Notícias

whatsapp