JÚRI POPULAR INOCENTA RÉU DA ACUSAÇÃO DE ASSASSINATO CONTRA O IRMÃO EM MOSSORÓ

O Tribunal do Juri Popular de Mossoró, julgou nesta terça feira 25 de janeiro o réu Silvio Xavier Ferreira, de 49 anos, acusado de matar a facadas seu irmão, Agnaldo Xavier Ferreira, crime ocorrido no dia 3 de fevereiro de 2007 no Bairro Costa e Silva em Mossoró na região Oeste do Rio Grande do Norte.

A denuncia do Ministério Público aponta que o crime teria sido praticado após um desentendimentos entre ambos. Agnaldo Xavier foi morto na casa dos pais sem chances de defesa. Atento aos debates envolvendo acusação e defesa, o corpo de jurados, formado por sete pessoas da sociedade local, optou pela tese levantada pelo advogado de defesa, Carlos Santana que pediu absolvição de seu cliente.
Silvio Xavier Ferreira, foi absolvido da acusação e a partir de agora não deve mais nada a justiça, pelo menos em relação ao assassinato de seu irmão. Após a conclusão do julgamento, o juiz presidente do Tribunal do Juri Popular, Vagnos Kelly de Figueiredo, expediu o alvará de soltura e o réu foi para sua casa. Fim da Linha

whatsapp