EM VISITA AO RN, MINISTRO DA JUSTIÇA ANUNCIA R$ 25 MILHÕES PARA SEGURANÇA PÚBLICA DO ESTADO

O ministro da Justiça, Anderson Torres, anunciou que R$ 25 milhões devem ser encaminhados ao Rio Grande do Norte para serem usados na área de segurança pública. A declaração foi dada durante a visita do integrante do governo Bolsonaro ao estado potiguar, nesta quarta-feira (10). O evento que ele participava aconteceu em Natal.

A previsão é que os recursos sejam repassados na próxima semana. Caberá ao estado decidir como será a aplicação dos recursos. “O estado escolhe a prioridade e aplica o recurso”, explicou o ministro.

De acordo com Anderson Torres, o governo federal já encaminhou cerca de R$ 75 milhões para o estado investir no setor destinado à segurança e proteção social.

“Muito difícil ser policial no Brasil. As maiores dificuldades que enfrentamos é a questão da saúde mental dos policiais. As policias precisam se estruturar melhor para ter profissionais (da saúde) para atender esses profissionais. Às vezes chegamos a estados que só tem um psicólogo, um psiquiatra contrato. E isso, sabemos que é inviável. A gente (o ministério) incentiva, mostra a necessidade e ajuda com recursos para que os estados possam viabilizar isso, principalmente para Polícia Civil e Polícia Militar”, comentou.

Sobre os recursos para 2022, ainda não há previsão do montante que o Ministério da Justiça repassará ao RN.

Sobre o evento

Autoridades de segurança pública da região Nordeste participam no Rio Grande do Norte entre os dias 10 e 12 deste mês para participar da I Jornada Nacional de Segurança Pública e Defesa Social (JONASP), realizada pelo Ministério da Justiça e da Segurança Pública (MJSP). Com a temática “Valorização dos Profissionais de Segurança Pública”, o seminário acontece no Centro de Convenções de Natal, e terá participação do ministro da Justiça e Segurança Pública (MJSP), Anderson Torres.

Também participam do evento, secretários de Segurança Pública, comandantes das Polícias e Bombeiros Militares, chefes de Polícia Civil e diretores de Institutos de Perícia de todo o Nordeste .

Com uma série de seminários e webnários a serem realizados até junho do ano que vem, a JONASP tem papel fundamental na discussão de novos caminhos e perspectivas para a segurança pública do país. Nesta edição, além da presença do ministro Anderson Torres, a mesa de abertura do evento será composta

pelo secretário Nacional de Segurança Pública, Carlos Paim, pelo vice-governador do Rio Grande do Norte, Antenor Roberto (na ocasião como governador em exercício), e pelo secretário da Segurança Pública e da Defesa Social do Rio Grande do Norte, coronel Araújo.

Para a solenidade inicial, também está marcado o ato de assinatura do Acordo de Cooperação entre a SENASP e o Ministérios Pão Diário no Brasil.

No primeiro dia de evento, após a abertura e a apresentação da metodologia do evento e ações do Programa de Valorização dos Profissionais de Segurança Pública (Pró-vida), será realizada uma palestra com a temática “O Sistema Prisional como ferramenta de proteção dos profissionais do Sistema de Justiça Criminal”, ministrada pela delegada federal Tânia Fogaça, diretora-geral do Departamento Penitenciário Nacional (DEPEN). Antes de assumir o cargo no DEPEN, em maio de 2020, Tânia destacou-se enquanto Superintendente Regional de Polícia Federal no Estado do Rio Grande do Norte.

A programação do evento inclui diversas palestras com temas de valorização e assistência aos profissionais da segurança pública, que serão oferecidas aos mais de 200 participantes inscritos para o seminário.


whatsapp