WESLEY, PODE TER PREMEDITADO O CRIME CONTRA MARIA LETÍCIA, MORTA COM UM TIRO NA CABEÇA EM ASSÚ

Maria Letícia e Wesley - Foto registrada no dia 26 em que Letícia completava 15 anos.
Da redação - Assú Notícia: O crime que repercutiu todo o Rio Grande do Norte, acontecido em Assú, na noite de domingo, 27 de Junho de 2021, no bairro Parati 2000, tem como o principal suspeito, Wesley, companheiro Maria Letícia da Costa, de 15 anos, que atirou na cabeça da jovem, dentro de casa, no inicio da noite, porém o corpo foi encontrado por volta das 21h.

Wesley, atirou contra Maria Letícia, que morreu na hora. Ele usou uma pistola 765 para execução da vítima, efetuando apenas um tiro, que ceifou a vida da adolescente, que teria completado 15 anos no último sábado, 26 de Junho.

Segundo informações apuradas preliminarmente pela polícia, aponta que Wesley, premeditou o crime, e já teria planejado a execução e fuga após o cometimento do crime. Uma motocicleta foi abandonada na BR-304 próximo ao trevo de Paraú, havendo a forte possibilidade do veículo ter sido usado pelo Wesley, que foi visto nas imediações do local. Alguns familiares de Maria Letícia, teria reconhecido a motocicleta como a de Wesley. Em relação da motocicleta, a polícia não confirma ainda que seja do acusado, pois foi feito buscas na motocicleta e constatado que a placa é de Uberlândia, em Minas Gerais. 

Depois de matar Letícia, Wesley fugiu e deixou a pistola 765 no local do crime.

Wesley, segue foragido da justiça depois de ter matado a companheira de 15 anos, ao qual tinha muito ciúmes da adolescente, e pode ter acontecido um fator principal para a execução da jovem. A morte dela, repercutiu todo o Estado.

A cidade de Assú, já contabiliza 18 crimes de homicídios até o presente momento, sendo o 5º homicídio neste mês de Junho.


whatsapp