POLÍCIA PRENDE EMPRESÁRIO APÓS ENCONTRAR 449 CHIPS DE CELULAR FURTADOS DE LOJA CONCORRENTE NO RN

Um empresário de 43 anos foi preso e deverá responder pelo crime de receptação de produtos roubados, após a polícia encontrar, na sua loja de acessórios para celular, 449 chips furtados de outra loja do mesmo ramo em Macaíba, na região metropolitana de Natal. O caso aconteceu nesta quarta-feira (6).

O delegado Cidórgeton Pinheiro, de Macaíba, afirmou que a vítima teve 750 chips de celular furtados e não sabia o paradeiro da mercadoria. Os produtos vinham sendo furtados desde novembro de 2020.
Os dois empresários, vítima e suspeito, trabalham em Macaíba, no mesmo ramo de acessórios de celular. Segundo a Polícia Civil, a própria vítima se surpreendeu ao descobrir que grande parte dos chips furtados de sua loja estavam com um empresário que ela já conhecia.
De acordo com investigações, outro empresário local teria receptado parte da mercadoria e repassado para ser revendida na cidade de Natal.
A operação foi denominada Ligação Errada, em alusão ao “erro” de alguns empresários que aceitam manter laços, “ligações” com pessoas que ofertam objetos ilícitos ou de origem duvidosa para serem comercializados em seus estabelecimentos.
Integrantes de facção presos
Também nesta quarta-feira (6), em Macaíba, a Polícia Civil prendeu mais quatro pessoas suspeitas de integrar uma facção criminosa que atua na região, na 12ª fase da operação Parabellum. O grupo estava em uma casa no bairro Vilar. Outros suspeitos conseguiram fugir ao perceber a chegada da polícia. Os suspeitos estavam com um artefato explosivo e faziam vídeos ameaçando a população, segundo o delegado.
Na segunda-feira (4), um homem apontado como líder do grupo foi preso com uma pistola e 87 munições de arma de fogo. No dia seguinte, uma moto clonada foi apreendida, também dentro da operação. G1RN

whatsapp